Nesse dia, deixarei meu coração cantar

Nesse dia, deixarei meu coração cantar

Nesse dia deixarei meu coração cantar
as canções que o alegram e o entristecem
Deixarei a melodia tocar
na esperança de que alguns entendam

As canções felizes,
acredito que acharei muitos que as queiram ouvir
encontrarei os que baterão palmas no ritmo das mesmas
e no meio de suas estrofes estarão a rir.

Quanto às tristes,
já não tenho tanta certeza assim
talvez encontre um ou dois
que essas canções queiram ouvir de mim

Canções do coração
geralmente se manifestam no olhar
e somente aqueles com olhos atentos
percebem aquilo que o coração do outro
está a cantar

Nesse dia, deixarei que ouçam meu coração
não escolherei a música que tocará
Dissonantes ficam quando a tentamos escolher;
vazio, no fim, tentar os olhos de outros enganar

Mais vazio então quando
aos próprios olhos tentamos enganar
Isso é como correr atrás do vento
como se, por lugares ermos, estivermos a caminhar

Nesse dia, deixarei meu coração cantar…

Fabrício Veliq
01.01.11 – 15:30

Compartilhe:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *